Datagro revisa safra 2019/20 de soja do Brasil para 122,90 milhões de t

Milho também teve dados atualizados com estimativa de produção total de 100,35 milhões de t

A safra 2019/20 de soja do Brasil foi revisada para 122,90 milhões de toneladas, segundo o quarto levantamento da Consultoria DATAGRO, com a colheita de grãos em início no país. Ainda assim, o volume projetado para a oleaginosa representa uma alta de 3% ante a temporada 2018/19. Os números para o milho também foram atualizados no país para um total de 100,35 milhões de t nas duas safras.

Apesar da revisão ante a estimativa do mês passado, de 126,08 milhões de toneladas, a produção de soja no país ainda tem potencial de ficar levemente acima do recorde de 122,30 milhões de toneladas registrado em 2017. A área plantada foi estimada nesta atualização em 37,09 milhões de hectares e a produtividade média passou para 3.319 kg/ha.

“A área total confirmou nosso levantamento de intenção de plantio de julho, que havia projetado um total de 36,84 milhões ha, com uma diferença de apenas 255 mil ha ou 0,7%. A partir de agora ajustes serão mais raros. Assim está definitivamente confirmado o 13º ano consecutivo de aumento da área de soja pelo produtor brasileiro”, afirma Flávio França Júnior, coordenador da DATAGRO Grãos.

Os estímulos para o aumento de área estão relacionados aos altos preços médios, produtividade elevada, maior disponibilidade de crédito, demanda interna e externa firme e cenário interessante de preços neste ano de 2020. No exterior, preferência dos argentinos pelo milho, perdas na safra dos Estados Unidos e solução parcial da guerra comercial entre EUA e China.

A safra 2019/20 de milho no Brasil também foi revisada pela DATAGRO, totalizando 100,35 milhões de t nas duas safras, menor que o recorde da temporada passada de 101,70 milhões de t. Na 1ª, a estimativa de produção passou para 25,04 milhões de toneladas ante as 27,25 milhões de t de dezembro por conta das chuvas irregulares na região Sul. A área tem projeção de 4,43 milhões de hectares e produtividade de 5.655 kg/ha.

Na 2ª safra, a produção foi atualizada para 75,31 milhões de t ante 75,74 milhões de toneladas da estimativa anterior, com área de 13,64 milhões de hectares e produtividade de 5.522 kg/ha. “A preocupação é com a diminuição na janela de plantio da segunda safra em função do atraso no plantio da soja. Se o clima colaborar, o aumento de área se confirma. Caso o contrário, poderemos ter revisões para baixo significativas nesse total”, afirma França.

A quarta estimativa de safra da DATAGRO ocorre com a colheita iniciando no país. Os trabalhos na soja atingiram 8,2% da área esperada até o dia 31 de janeiro, enquanto a colheita de milho de verão no Centro-Sul chegou a 7,3% da área e o milho de inverno em 11,2% da área no Centro-Sul.
Fonte: DATAGRO

Redação Destaque Rural
Publicado por Redação Destaque Rural

Portal Destaque Rural

Enviando