Manga: oferta aumenta e preços sinalizam queda

Com o aumento da oferta em algumas regiões produtoras, os valores das mangas tommy e palmer sinalizam queda. Segundo agentes consultados pelo Hortifruti/Cepea, esse cenário já era esperado para o mês de setembro, devido à intensificação da colheita, principalmente no Nordeste.

Esse contexto tem preocupado mangicultores, já que as exportações para alguns demandantes, como a União Europeia, estão em ritmo lento, e que a colheita segue ocorrendo nas regiões produtoras. Já para os Estados Unidos, os embarques estão mais firmes: de agosto até a primeira semana de setembro, o volume enviado ao país já é 21,4% maior do que o exportado no mesmo período do ano passado, conforme dados do National Mango Board.

Fonte: Cepea

Redação Destaque Rural
Publicado por Redação Destaque Rural

Portal Destaque Rural

Enviando