Índice de Preços ao Produtor tem queda de 1,24% em julho

O Índice de Preços ao Produtor (IPP), que registra a variação dos produtos na porta de saída das fábricas, teve deflação de 1,24% em julho deste ano. A queda de preços foi ainda mais intensa do que a observada no mês anterior (-1,13%). O dado foi divulgado hoje (29) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Apesar da deflação em julho, o indicador acumula taxas de inflação de 1,50% no ano e de 1,33% em 12 meses.

Em julho, apenas cinco das 24 atividades industriais pesquisadas apresentaram altas de preços. No mês anterior, haviam sido oito atividades.

Por outro lado, houve deflação nos produtos das outras 19 atividades da indústria, com destaque para alimentos (-1,81%), refino de petróleo e produtos de álcool (-2,67%), metalurgia (-3,74%) e outros produtos químicos (-2,2%).

Entre as grandes categorias econômicas da indústria, a maior queda de preços foi observada nos bens intermediários, isto é, os insumos industrializados usados no setor produtivo (-1,79%). Também houve queda de preços entre os bens de consumo semi e não duráveis (-0,89%).

As outras duas grandes categorias registraram inflação: bens de capital, isto é, as máquinas e equipamentos (0,15%), e bens de consumo duráveis (0,06%).

Fonte: Agência Brasil

Redação Destaque Rural
Publicado por Redação Destaque Rural

Portal Destaque Rural

Enviando