Safra 2019/20 de soja no RS deve crescer 6,81%

A Emater/RS-Ascar apresentou nesta terça-feira (27) a primeira estimativa para a safra 2019/20 no Rio Grande do Sul, em evento, na Expointer em Esteio. Os dados indicam que a soja baterá recorde histórico com aumento na produção de 6,81% em relação ao ano anterior.

O Rio Grande do Sul deverá colher 1,2 milhão de toneladas a mais do grão, chegando a 19,7 milhões. A área e a produtividade também devem aumentar em 1,93% e 4,31%, respectivamente, o que significa um acréscimo de 112 mil hectares e 137 kg/ha, chegando a 5,9 milhões de hectares de soja e 3,3 mil kg/ha.

O levantamento aponta um aumento de 5,76% no total produzido no Estado em relação ao ano anterior, equivalente a 1,8 milhão de toneladas, totalizando uma estimativa de 33,2 milhões de toneladas para os quatro principais grãos de verão (soja, milho, arroz e feijão 1ª safra).

Os dados, coletados entre 22 de julho e 07 de agosto deste ano, foram levantados junto às seguintes unidades operativas da Emater/RS-Ascar: 119 escritórios municipais para a cultura do arroz, 245 para feijão primeira safra, 449 escritórios municipais para milho grão, 388 para soja e 416 para milho silagem, além de 12 escritórios regionais e do Escritório Central.

A Emater/RS-Ascar realizou levantamento sobre as percepções/intenções dos produtores e dos demais atores da cadeia produtiva (cooperativas, comércio de insumos, bancos, por exemplo) em relação à safra de grãos 2019-2020.

O levantamento contemplou uma amostra que cobriu 98,45% da área a ser cultivada com arroz, 80,31% com feijão primeira safra, 95,52% com milho grão, 98,02% para área com soja e 94,01% para milho destinado à silagem.

Fonte: DATAGRO

Redação Destaque Rural
Publicado por Redação Destaque Rural

Portal Destaque Rural

Enviando