USDA deve reduzir projeção para as safras de soja e milho nos EUA

Destaque Rural

O Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA) reporta nesta quinta-feira (11) seu boletim mensal de oferta e demanda para as principais culturas dos EUA e mundiais. Entre as informações mais esperadas pelos investidores estão os números das safras de soja e milho no país.

No caso da oleaginosa, a perspectiva é que os produtores norte-americanos colham em média 104,78 milhões de toneladas na safra 2019/20. A expectativa média gira em torno de 100,7 milhões a 109,27 milhões de toneladas. Em junho, o USDA indicou a produção em 112,94 milhões de toneladas do grão.

Para o milho, a projeção dos participantes do mercado é de uma safra ao redor de 343,20 milhões de toneladas. No relatório passado, o departamento estimou a produção em 347,49 milhões de toneladas. O intervalo de estimativas está entre 319,19 milhões a 352,57 milhões de toneladas.

Estoques finais nos EUA

Em relação aos estoques, a perspectiva dos investidores é que o USDA indique os números da soja em 22,10 milhões de toneladas. O número está abaixo do reportado no boletim passado, de 28,44 milhões de toneladas.

No milho, a estimativa média está próxima de 41,71 milhões de toneladas de estoques finais na safra 2019/20. Em junho, o número ficou em 42,55 milhões de toneladas.

Publicado por Fernanda Custódio

Formada em Comunicação Social pela Pontifícia Universidade Católica de Campinas (PUC-Campinas). Trabalha há mais de 6 anos com produção de conteúdos jornalísticos para o agronegócio.

Enviando