BNDES suspende linha de crédito do programa Moderfrota

Por Thaise Ribeiro/Destaque Rural com supervisão de Fernanda Custódio

O Banco Nacional do Desenvolvimento (BNDES) comunicou as instituições financeiras que suspendeu os protocolos de pedidos de financiamento pelo programa Moderfrota, que é o financiamento para a aquisição de tratores, colheitadeiras, plataformas de corte, pulverizadores, plantadeiras, semeadoras e equipamento para beneficiamento da cultura do café.

O documento, disponível abaixo, menciona apenas a linha do Moderfrota com taxa pré-fixada de 7,5% ao ano, disponíveis para clientes de até R$ 90 milhões. Segundo a instituição, todo o montante disponível no Plano Agrícola e Pecuário 2018/2019 para esta modalidade da principal linha de crédito para máquinas e equipamentos já foi comprometido.

Ainda, no mesmo aviso, a instituição informa que estão canceladas também as operações no âmbito do programa de Incentivo à Inovação Tecnológica na Produção Agropecuária (Inovagro). O documento foi assinado pelo superintendente da Área de Operações e Canais Digitais do banco, Marcelo Porteiro Cardoso.

Enviando