Produção de soja na Bahia pode ser 18% menor que na safra anterior

Por Thaise Ribeiro com supervisão de Fernanda Custódio

A estimativa de colheita da safra de soja na Bahia gira em torno de 5 milhões de toneladas, 18% a menos do que na safra anterior. De acordo com Luiz Stahlke, assessor de agronegócio da Associação de Agricultores e Irrigantes da Bahia (AIBA), a falta de chuva no mês de janeiro prejudicou o enchimento de grãos da oleaginosa, isso porque, sem água, os grãos ficam menores, impactando na produtividade.

Daqui para frente, os agricultores esperam por preços melhores, que compensem essa perda. A saca de soja, nesta terça-feira (18), está valendo R$ 68,00. Além disso, Stahlke comenta que 48% da soja do Estado já foi comercializada.

Segundo estimativa da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) pode acontecer uma quebra de produção na região do MATOPIBA, formada por Maranhão, Tocantins, Piauí e Bahia. Assim, a redução de produtividade nesses estados pode chegar a 11,27% em relação à safra anterior.

Enviando