Armazéns da Conab em Mato Grosso do Sul recebem milho após pedido da Aprosoja

A pedido da diretoria da Aprosoja  de Mato Grosso do Sul, o senador Waldemir Moka conseguiu junto ao  Ministério da Agricultura, a liberação parcial dos armazéns da Conab (Companhia Nacional de Abastecimento) em Mato Grosso do Sul para estocar milho. VER MAIS: Colapso na armazenagem VER MAIS: Capacidade de armazenagem de alimentos cresceu 0,9% em 2016, diz IBGE De acordo com o presidente da Aprosoja/MS, Christiano Bortolotto, tal medida contribui para amenizar o problema de armazenamento de grãos que vive atualmente o Estado: “Mato Grosso do Sul tem hoje uma capacidade de armazenagem de 8 milhões de toneladas de grãos. Colhemos 8,5 de soja, destes 40% ainda não foi escoado e agora com a expectativa da produção de 9,2 milhões de toneladas de milho, não se tem espaço para estocar toda a produção. Por isso, a Aprosoja/MS vem buscando alternativas para armazenamento e também formas de escoar a produção”. No município de São Gabriel do Oeste, os armazéns já começaram a receber os grãos.

Enviando