Boi gordo: mercado firme no início da semana

Em São Paulo, boa parte das indústrias frigoríficas estiveram fora das compras na manhã da última segunda-feira (5/4), aguardando uma definição do consumo de carne bovina no feriado, para assim, traçarem as estratégias de compra ao longo dessa semana. Em função disso, a referência de preço das três categorias destinadas ao abate permaneceu estável na comparação com o último fechamento (1/4). 

Segundo levantamento da Scot Consultoria, para os animais que atendem os requisitos do mercado chinês, as ofertas de compra giraram em torno de R$320,00 por arroba, considerando o preço bruto e à vista. No estado, as escalas de abate atendem em torno de cinco dias. 

Já na região do Triângulo Mineiro houve alta de R$3,00/@ para o boi gordo na última segunda-feira (5/4) na comparação feita dia a dia. A referência ficou em R$306,00/@, preço bruto e a prazo. No Rio de Janeiro, os preços do boi e da novilha gordos subiram R$2,00/@ e as referências ficaram em R$289,00/@ e R$280,00/@, preços brutos e a prazo, na mesma ordem. Estabilidade na cotação da vaca gorda.

Fonte: Scot Consultoria

Larissa Schäfer
Publicado por Larissa Schäfer

Formada em Jornalismo pela Universidade de Passo Fundo (UPF).

Enviando