Atenção para efeitos de um ciclone no Sul e no Sudeste

Um ciclone extratropical já atua no oceano ao largo do litoral do Rio Grande do Sul. Na noite de segunda e madrugada de terça-feira esse sistema já provocou vento moderada a forte no Rio Grande do Sul, entre 50 e 70km/h no sul gaúcho e em Santa Catarina, o sul do Estado teve rajadas de quase 70km/h nas serras.

A imagem da manhã de terça-feira (30/03) (GOES-16) indicava a presença o centro de baixa pressão associado ao ciclone extratropical localizado cerca de 800km do litoral do Rio Grande do Sul.

Imagem1

No decorrer da semana, até a sexta-feira dia 02 de abril, o ciclone extratropical atua no oceano, ao largo da costa do Sul e do Sudeste e ainda influencia toda a faixa costeira entre o Rio Grande do Sul e o Rio De Janeiro como indicado abaixo na previsão para a madrugada de sexta-feira (2).

Imagem2

Vento forte

Durante toda a semana o vento é moderado a forte no litoral do Rio Grande do Sul, de Santa Catarina, do Paraná, de São Paulo e do Rio de Janeiro.

No Sul, as rajadas são mais intensas entre a quarta e quinta-feira no litoral catarinense, chegando a 80km/h. Nas demais áreas litorâneas e nas serras do Rio Grande do Sul e de Santa Catarina as rajadas ficam entre 50 e 70km/h. No litoral de São Paulo e do Rio de Janeiro, as rajadas sopram mais intensas no decorrer da quinta-feira, entre 50 e 70km/h.

A partir da sexta-feira, dia 2, com o ciclone se afastando para alto-mar, o vento diminui de intensidade em toda a faixa costeira.

Chuva/Temporais

A presença do sistema de baixa pressão atmosférica no oceano, ao largo do litoral do Sudeste, forma as nuvens carregadas que entre a noite de terça e também na quarta-feira, provoca temporais com chuva forte, rajadas de vento, intensa atividade elétrica e grande risco de granizo no sul e no leste de São Paulo, Rio de Janeiro, sul de Minas nas áreas próximas à Mantiqueira e Zona da Mata Mineira.

Mar agitado/Ressaca

O ciclone extratropical provoca vento intenso sobre o oceano. O vento soprando forte e persistente sobre o mar forma as ondas que já chegam ao litoral do Rio Grande do Sul e de Santa Catarina deixando o mar agitado nas praias destes estados.

A quarta-feira é de mar muito agitado com ressaca e ondas chegando a 3,5 metros de altura nas praias do RS e nas praias do litoral sul de SC ainda pela manhã.

No decorrer do dia a altura das ondas aumenta ainda mais. À noite há previsão de ondas se aproximando de 4 metros de altura nas praias do Rio Grande do Sul e do sul de Santa Catarina. A ondulação do mar e de sul-sudeste.

maragitado

O mapa acima mostra que na noite de quarta-feira (31) as ondas já aumentam de tamanho também nas demais praias de Santa Catarina, no litoral do Paraná, de São Paulo e do Rio de Janeiro.

Na quinta-feira, dia 01 de Abril, a agitação marítima persiste no Sul e a altura das ondas aumenta nas praias paulistas e fluminenses com ondulação de sudeste e altura das ondas entre 3 e 3,5m. O mar fica com ressaca em toda a costa entre o Rio Grande do Sul e o Rio de Janeiro.

maragitado2

Na sexta-feira (02) e no sábado (03), a agitação marítima diminui, mas o mar ainda fica bem agitado, ainda com previsão de ressaca. 

Fonte: ClimaTempo
Larissa Schäfer
Publicado por Larissa Schäfer

Formada em Jornalismo pela Universidade de Passo Fundo (UPF).

Enviando