Clima

Comemore o Dia Meteorológico Mundial - 23 de março

23/03/2021
Comemore o Dia Meteorológico Mundial - 23 de março

Foto: Divulgação ClimaTempo

Comemore o Dia Meteorológico Mundial - 23 de março

Todos os anos, no dia 23 de março, a comunidade meteorológica mundial comemora o “Dia Meteorológico Mundial”. A data foi instituída em 1950 para celebrar a consolidação da Organização Meteorológica Mundial (World Meteorological Organization, WMO, na sigla em inglês). 

A WMO é um órgão internacional ligado à ONU - Organização das Nações Unidas, com sede em Genebra, Suíça. Atualmente conta com 193 membros e o Brasil é filiado desde 15 de março de 1950. 

O Oceano: nosso Clima e nosso tempo

A cada ano, a WMO propõe um tema para ser discutido pela comunidade meteorológica mundial e que tenha relevância para a sociedade em geral.  O tema explorado em 2021 é “O Oceano: nosso clima e nosso tempo”, e tem uma importância crucial para todos os tipos de vida no planeta Terra. 

Os oceanos cobrem cerca de 70% da superfície da Terra e estão em interação contínua com a atmosfera terrestre. O que acontece com um, o outro sente, mas em tempos completamente diferentes. A atmosfera é rápida, o oceano é lento. A atmosfera faz o tempo;  os oceanos fazem o clima. A descoberta das teleconexões entre eles, nos ajudam a entender e prever, mais e melhor, as mudanças que o oceano e atmosfera estão sofrendo, o clima futuro e os impactos das mudanças climáticas na vida do nosso planeta.

O tema do Dia Meteorológico Mundial de 2021 marca também o ano de início da “Década das Nações Unidas de Ciência Oceânica para o Desenvolvimento Sustentável”: 2021-2030”.

Atividades de integração com a sociedade

Na semana do Dia Meteorológico Mundial, várias instituições ligadas à meteorologia vão fazer atividades para comemorar o dia 23 de março. Este ano, em função da pandemia, as palestras e lives serão realizadas online e abertas ao público em geral. Se você se interessa pela Meteorologia, aproveite para participar.

Climatempo

De 23 a 26 de março, às 12h (Horário de Brasília) - Instagram

Climatempo faz uma semana de lives no Instagram comandadas pelo meteorologista César Soares. Veja a programação e compartilhe.

Universidade Federal de Santa Maria (RS)

23 de março, 15 horas - (hora de Brasília) - Youtube

Webinar liderado pela professora Nathalie Tissot Boiaski . O seminário será seguido de um debate com perguntas e respostas. As perguntas e comentários poderão ser encaminhados em tempo real através do próprio 'chat' do YouTube. 

Transmissão pelo link: www.youtube.com/watch?v=JthtYRlxXOA 

Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas/ USP

9 de abril, 14 horas (horário de Brasília

Todos os anos, no dia 23 de março, a comunidade meteorológica mundial comemora o “Dia Meteorológico Mundial”. A data foi instituída em 1950 para celebrar a consolidação da Organização Meteorológica Mundial (World Meteorological Organization, WMO, na sigla em inglês). 

A WMO é um órgão internacional ligado à ONU - Organização das Nações Unidas, com sede em Genebra, Suíça. Atualmente conta com 193 membros e o Brasil é filiado desde 15 de março de 1950. 

O Oceano: nosso clima e nosso tempo

A cada ano, a WMO propõe um tema para ser discutido pela comunidade meteorológica mundial e que tenha relevância para a sociedade em geral.  O tema explorado em 2021 é “O Oceano: nosso clima e nosso tempo”, e tem uma importância crucial para todos os tipos de vida no planeta Terra. 

Os oceanos cobrem cerca de 70% da superfície da Terra e estão em interação contínua com a atmosfera terrestre. O que acontece com um, o outro sente, mas em tempos completamente diferentes. A atmosfera é rápida, o oceano é lento. A atmosfera faz o tempo;  os oceanos fazem o clima. A descoberta das teleconexões entre eles, nos ajudam a entender e prever, mais e melhor, as mudanças que o oceano e atmosfera estão sofrendo, o clima futuro e os impactos das mudanças climáticas na vida do nosso planeta.

O tema do Dia Meteorológico Mundial de 2021 marca também o ano de início da “Década das Nações Unidas de Ciência Oceânica para o Desenvolvimento Sustentável”: 2021-2030”.

Atividades de integração com a sociedade

Na semana do Dia Meteorológico Mundial, várias instituições ligadas à meteorologia vão fazer atividades para comemorar o dia 23 de março. Este ano, em função da pandemia, as palestras e lives serão realizadas online e abertas ao público em geral. Se você se interessa pela Meteorologia, aproveite para participar.

Climatempo

De 23 a 26 de março, às 12h (Horário de Brasília) - Instagram

A Climatempo faz uma semana de lives no Instagram comandadas pelo meteorologista César Soares. 

Live: Semana Dia Meteorológico Mundial - 23 a 26 mar 2021

 

Universidade Federal de Santa Maria (RS)

23 de março, 15 horas - (hora de Brasília) - Youtube

 

Webinar liderado pela professora Nathalie Tissot Boiaski . O seminário será seguido de um debate com perguntas e respostas. As perguntas e comentários poderão ser encaminhados em tempo real através do próprio chat do Youtube. 

Transmissão pelo link: www.youtube.com/watch?v=JthtYRlxXOA 

 

INMET/INPE/CENSIPAM

23 de março, 14 horas (Horário de Brasília) - Youtube

 

O Instituto Nacional de Meteorologia (INMET), o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE) e o Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia (Censipam) fazem um evento virtual no dia 23 de março (terça-feira, de 14h - Horário de Brasília)

Link do Youtube: https://youtu.be/RLR2BFW6i6Y

 

Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas/ USP  

9 de abril, 14 horas (horário de Brasília) -  Youtube

 

Palestra com os doutores Alexander Turra (IO/USP) e Ricardo Camargo (IAG/USP)

Este evento seria originalmente no dia 26/3/2021, mas teve que ser adiado em função da mudança de feriados no estado de São Paulo.

 

Palestra do IAG/USP foi adiada do dia 26/3 para 9/4/2021

 

Palestra com os doutores Alexander Turra (IO/USP) e Ricardo Camargo (IAG/USP)

Este evento seria originalmente no dia 26/3/2021, mas teve que ser adiado em função da mudança de feriados no estado de São Paulo.

Fonte: ClimaTempo

Larissa Schäfer
Publicado por Larissa Schäfer

Formada em Jornalismo pela Universidade de Passo Fundo (UPF).

Enviando