Agricultura

Produção de lavanda cresce e período é de colheita

06/11/2020
Produção de lavanda cresce e período é de colheita

Fonte: Emater Divulgação

Produção de lavanda cresce e período é de colheita

Morro Reuter, município do Vale dos Sinos conhecido por ser referência na produção de lavandas, vêm registrando anualmente o aumento da área cultivada com a planta. Até o final do mês a expectativa é que sejam colhidas, por 22 famílias de produtores, 12 hectares de lavandas, segundo levantamento da Emater/RS-Ascar.


Desde 2014, quando foi criada a lei nº 1.533, que institui o programa de incentivo à produção de lavanda, o uso da planta passou de um caráter ornamental para ser a planta símbolo do município e dar nome a uma festa e foi se desenvolvendo até se tornar uma importante alternativa de renda aos produtores.

O extensionista da Emater/RS-Ascar em Morro Reuter, Evandro Knob, comenta que em 2015, com a criação do Programa Municipal de Incentivo à Lavanda, a situação foi evoluindo a ponto de o município comportar toda a cadeira produtiva, desde a produção de mudas, orientação técnica, os produtores têm também acesso ao transporte de insumos e da produção para extração de óleo essencial em Morro Reuter.

Atualmente o município possui floricultura, que fornece as mudas aos produtores e após o cultivo eles ainda têm a possibilidade de entrega da produção a uma empresa que faz a extração do óleo. "A lavanda tem muito potencial, porque além do óleo a planta pode ser usada na gastronomia, em bebidas como cervejas e nas artes também, além do turismo rural. Ela também ajuda a atrair pessoas para o nosso município", ressalta Knob.

A Emater/RS-Ascar do município, assim como o poder público, e a Secretaria da Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural (Seapdr) são as entidades responsáveis pelas iniciativas relacionadas à lavanda em Morro Reuter.

Fonte: Assessoria de Imprensa da Emater/RS-Ascar - Regional de Porto Alegre

Redação Destaque Rural
Publicado por Redação Destaque Rural

Portal Destaque Rural

Enviando