6ª live do CNMA discutiu o papel da mecanização na agricultura e a necessidade de uma gestão eficiente dos equipamentos

Questões foram tema de encontro on-line promovido na última sexta-feira, 09/10

Com o objetivo de debater a gestão e a manutenção da frota na fazenda e como o apoio de parceiros é essencial para chegar ao melhor custo e produtividade, o Congresso Nacional das Mulheres do Agronegócio (CNMA) promoveu, na manhã da última sexta-feira (09), uma live que faz parte da programação que antecede o evento.

O encontro, que ocorreu sob a mediação do jornalista e escritor, José Luiz Tejon, teve como participante a engenheira agrícola e ambiental Tatiane Angélica de Souza, coordenadora de manutenção e mecanização da Fazenda Paladino, do grupo SCL Agrícola, em São Desidério (BA).

Segundo Tatiane, a mecanização tem papel fundamental na agricultura mundial e é responsável por um aumento expressivo da produtividade e da eficiência na qualidade das operações agrícolas, “devido à rapidez e padronização dos processos de plantio e colheita”.

Ela acrescenta que as máquinas estão cada vez mais modernas e com sistemas informatizados. “Tudo isso gera uma base de dados que dá subsídio para o produtor rural na hora da tomada de decisão, que trazem muitos efeitos benéficos para o negócio”.

Sobre a gestão de cerca de 200 ativos da Fazenda Paladino, Tatiane conta que há uma série de indicadores que precisam ser seguidos para que haja eficiência da manutenção das máquinas agrícolas. Ela cita o índice de máquina parada, os cálculos de rendimento hectare/horas e o custo por grupo de máquinas, além da necessidade de um cronograma de revisões.

Para isso ela conta com parceiros como a Caterpillar, entre outros, para otimizar o trabalho, os custos e extrair o máximo da eficiência dos equipamentos. “Nós temos uma relação de parceria mesmo, com contratos de fornecimento de peças, contrato de prestação de serviços, demonstração de garantia, além de treinamentos e cursos preparatórios oferecidos pelas empresas das quais possuímos maquinário”.

Sobre a presença da mulher no agronegócio da Bahia, Tatiane comenta que a presença feminina vem crescendo gradativamente, apesar de não ser um ambiente fácil. “Você tem que estar disposta a aceitar o desafio e eu vejo que no nosso estado muitas mulheres já fazem parte dos setores agropecuário e agrícola e esse número só tende a crescer”. 

 5º CNMA

A edição deste ano do Congresso será on-line e contará com quatro dias, de 26 a 29 de outubro, das 9h30 às 13h. As inscrições para o  CNMA têm valores diferenciados e podem ser feitas pelo site www.mulheresdoagro.com.br. Em ação especial, 30% do valor líquido arrecadado com as inscrições do evento serão doados ao Instituto Comunitário Grande Florianópolis (ICOM) em ação contra a violência doméstica.

Serviço

5º Congresso Nacional das Mulheres do Agronegócio - CNMA
Data: 26 a 29 de outubro de 2020
Horário: 9h30 às 13h
Mais informações e inscrições: www.mulheresdoagro.com.br

Redação Destaque Rural
Publicado por Redação Destaque Rural

Portal Destaque Rural

Enviando