Projeção de alta de U$1,6 bilhão nas vendas de leite na China devido à pandemia

As vendas de leite na China deverão alcançar US$ 26,9 bilhões em 2020, US$ 1,6 bilhão acima do valor projetado anteriormente, no pré-Covid-19. De acordo com um recente comunicado da empresa de dados e análise GlobalData à imprensa, isso se traduz em um aumento nos volumes esperados de 9,6 bilhões de kg para 10 bilhões de kg somente em 2020, principalmente devido a preocupações com a saúde relacionadas à Covid-19.

Ryan Whittaker, analista de consumo da GlobalData, afirma: “A China investiu pesadamente na modernização de sua indústria de laticínios nos últimos anos e promove oficialmente o consumo de leite com base em seus benefícios à saúde. A refrigeração tem se tornado cada vez mais onipresente na China, o que significa que os consumidores modernos têm espaço para armazenar leite e outros laticínios por mais tempo. O leite é frequentemente posicionado como um meio de obter mais proteína na dieta e para ajudar a fortalecer o sistema imunológico. Claro, a pandemia Covid-19 forçou os consumidores chineses a se concentrarem em sua saúde, gerando um aumento na demanda ”.

A GlobalData previu que as vendas anuais de leite na China, avaliadas em US$ 24,2 bilhões em 2019, aumentariam gradualmente para US$ 29 bilhões em 2023. Após interrupções relacionadas à Covid-19, o valor esperado está agora perto de US$ 31 bilhões, com o maior salto nas vendas ocorrendo em 2020.

Preocupações com a saúde

A pesquisa de consumo mais recente da GlobalData descobriu que 47% dos consumidores chineses se consideram 'extremamente preocupados' com sua saúde, enquanto outros 52% disseram que estavam 'bastante' ou 'levemente preocupados' – na verdade, apenas 2% dos entrevistados disseram que eles 'não estavam preocupados' com sua saúde.

Quando questionados sobre os hábitos de compra de leite fluido, 51% dos entrevistados afirmaram estar comprando mais do que antes, além dos 34% que afirmaram estar comprando o mesmo de antes.

“O impacto do Covid-19 na culinária em casa não deve ser esquecido. Durante o lockdown da China, os consumidores foram forçados a permanecer em casa e cozinhar para si próprios muito mais do que antes e, ao fazê-lo, comeram fora de casa muito menos do que antes. O leite oferece uma maneira simples de complementar a nutrição em casa com o mínimo de esforço, ajudando a indústria de laticínios da China. Claramente, a categoria de leite terá um bom desempenho durante a pandemia, e as atitudes em relação à saúde, apoiadas pelas campanhas pró-laticínios do governo, provavelmente estão por trás disso”, acrescenta Whittaker. O leite é a maior categoria de laticínios da China.

As informações são do Dairy Global.

Fonte: MilkPoint

Redação Destaque Rural
Publicado por Redação Destaque Rural

Portal Destaque Rural

Enviando