Apesar da demanda enfraquecida, indicador do algodão segue estável

O mercado interno de algodão em pluma está levemente mais movimentado, uma vez que houve aumento na captação de ofertas de venda e de compra pelo Cepea. Alguns comerciantes estão ativos, na tentativa de realizar novos fechamentos “casados” e/ou para finalizar contratos. Mas, por ora, a oferta ainda está acima da demanda no spot. Segundo colaboradores do Cepea, a maioria dos agentes de toda a cadeia têxtil permanece afastada das negociações (ou até mesmo paralisada). Com a expectativa de retorno dos elos de produção e do consumo ao longo do próximo mês, diante do possível afrouxamento do isolamento social nos estados do País, especialmente, em São Paulo, algumas das indústrias ainda em produção autorizaram novos embarques da pluma negociada anteriormente, para reposição de pequenos volumes em estoque. Assim, entre 22 e 28 de abril, o Indicador do algodão em pluma CEPEA/ESALQ, com pagamento em 8 dias, permaneceu praticamente estável (+0,01%), fechando a R$ 2,7164/lp nessa terça-feira, 28. Já na parcial de abril (até o dia 28), o Indicador acumula queda de 4,4%. Fonte: Cepea

Redação Destaque Rural
Publicado por Redação Destaque Rural

Portal Destaque Rural

Enviando