Etanol: indicadores seguem em forte queda em SP

A restrição de mobilidade recomendada pelo governo, em função da pandemia de coronavírus, reduziu a demanda por etanol, pressionando de forma expressiva os valores na semana passada no estado de São Paulo. Além disso, a nova safra já foi iniciada em algumas usinas da região Centro-Sul, o que aumentou a oferta do biocombustível. Entre 16 e 20 de março, o Indicador CEPEA/ESALQ do etanol hidratado fechou a R$ 1,6721/litro (sem ICMS e sem PIS/Cofins), forte recuo de 14% (ou de 27 centavos por litro) em relação ao da semana anterior. No caso do etanol anidro, o Indicador CEPEA/ESALQ foi de R$ 2,0221/litro (sem PIS/Cofins), baixa de 6,2% no mesmo comparativo. 

Fonte: Cepea

Redação Destaque Rural
Publicado por Redação Destaque Rural

Portal Destaque Rural

Enviando