“Questão indígena é o maior desafio da pasta”, afirma Tereza Cristina

Nesta sexta-feira (8) a ministra da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Tereza Cristina, participou do Show Rural Coopavel 2019 e na oportunidade comentou sobre assuntos fundiários como, por exemplo, a demarcação de terras indígenas.

De acordo com a ministra o desafio da pasta é mudar o conceito de quem vai assentar a terra, e para isso acontecer ela comenta que é necessário ter critérios de quem vai receber a terra. “Nós temos um problema social. Mas se nós tivermos que levar alguém para essa terra ele tem que ser treinado e preparado para chegar lá e produzir, ao contrário de continuar dependendo do governo” afirma, Tereza Cristina.

Outro desafio da pasta, segundo a ministra, é legalizar a posse de terras. Ela comenta que na região do Matopiba, formada pelos estados do Maranhão, Tocantins, Piauí e Bahia, diversas áreas de terras ainda não são legalizadas, tornando-se assim uma insegurança jurídica muito grande aos produtores rurais. Desta forma, cabe ao Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra), regularizar o máximo de terras do Brasil.

É importante lembrar que a Fundação Nacional do Índio (Funai), não faz parte do Ministério da Agricultura, apenas uma equipe de coordenação responsável pelas demarcações de terras indígenas. “Os índios já possuem 3,6% de todo o território e ainda estão pedindo novas demarcações. Isso será estudado com muito critério”, enfatiza Tereza Cristina.

Por Thaise Ribeiro/ Destaque Rural

Enviando